Carteira de investimentos

O termo carteira de investimentos é um dos jargões do mercado financeiro importantes de aprender. E não é nada difícil. Imagine uma pessoa que começou a juntar dinheiro e depositou suas economias na caderneta de poupança. Depois, procurando alguns investimentos um pouco mais rentáveis, essa pessoa pegou parte das economias e colocou em um fundo de renda fixa. Um tempo depois, essa mesma pessoa resolve que está na hora de arriscar um pouco mais, e coloca um pouco de dinheiro em um fundo de ações.

Essa pessoa tem agora dinheiro aplicado em:

  • Caderneta de poupança
  • Fundo de renda fixa 
  • Fundo de Ações

Essa é a carteira de investimentos da pessoa – é o conjunto de aplicações que ela fez. Outro nome para a mesma coisa é “cesta de investimento”. Quando você ouve alguém falando que você não pode colocar todos os ovos na mesma cesta, está fazendo uma comparação com isso: é bom sempre diversificar sua cesta de investimento - sua carteira. Tem ainda outro sinônimo: portifólio. Então, você pode falar que tem uma carteira, uma cesta ou um portifólio de investimentos. É a mesma coisa: você está dizendo que aplicou seu dinheiro em um conjunto de investimentos. 

Um gestor de fundos monta e gerencia carteiras de investimento. Ele escolhe as aplicações que vai fazer, acompanha o resultado e faz ajustes quando achar necessário. É claro que o gestor precisa respeitar alguns limites. 

Todo fundo tem um regulamento e uma política de investimento que estabelece os limites que o gestor deve obedecer, determinando onde pode e ou não investir o dinheiro dos cotistas. 

Existem vários tipos de aplicações disponíveis no mercado brasileiro. Tem fundo que pode, inclusive, investir em mercados internacionais. Mas lembre-se: sempre de acordo com a política de investimentos do fundo. Algumas das aplicações disponíveis são:

  • Ações
  • CDBs (títulos de crédito emitidos por bancos)
  • Debêntures
  • Títulos públicos
  • Derivativos

Fonte: http://www.comoinvestir.com.br/fundos/guia-de-fundos/carteira-de-investimentos/paginas/default.aspx

Esse artigo foi útil?
Usuários que acharam isso útil: 0 de 0
Tem mais dúvidas? Envie uma solicitação